Parceria com universidade garante formação e ações integradas

(Por Laura Gonçalves Sucena)

Trabalho em conjunto, demanda por formação e ações integradas foram alguns pontos que estimularam a parceria firmada entre a Escola de Educação Infantil Creche Mãe Cristina e a Universidade Paulista (Unip). O objetivo foi a troca de experiências entre a teoria e a prática, com ganho para ambos os lados, através da formação continuada e o processo de desenvolvimento profissional.

Com início no segundo semestre de 2018, a parceria começou devido à iniciativa de uma mãe que tem sua criança frequentando a entidade e que é supervisora de estágio do curso de Enfermagem. Fabiana Soares procurou a direção da instituição e propôs o intercâmbio de conhecimentos. A ideia foi oferecer as práticas da área da saúde e, ao mesmo tempo, ter maior contato com as crianças, que será útil aos futuros enfermeiros.

Segundo a orientadora pedagógica da instituição, Kety Nicolini, a proposta veio ao encontro das necessidades da creche, uma vez que além das práticas com as crianças, a parceria também incluiu formação com professores e monitores. E todos os temas foram trabalhados a partir da escuta e necessidades apresentadas.

“Todo o trabalho realizado neste semestre foi positivo. Desde o momento em que fomos procuradas pela mãe até o encontro com os alunos da Unip. Foram momentos de reflexão sobre nosso trabalho e, também, pudemos passar nossas experiências práticas para estudantes que em breve estarão atendendo crianças em hospitais e centros de saúde”, afirmou.

Para Denilze Ricciardelli, assessora técnica do programa Primeira Infância em Foco (PIF) da Fundação FEAC, a ideia de trocar as práticas e conhecimentos entre os profissionais da saúde e educadores foi uma iniciativa produtiva que por consequência favorece o desenvolvimento saudável da criança. “Todos os temas abordados tranquilizaram a equipe de educadores que se apropria ainda mais em como intervir com as crianças no caso de necessidade. Esse tipo de parceria é enriquecedor”, frisou.

A Creche Mãe Cristina é uma entidade parceira da Fundação FEAC que integra o projeto de apoio institucional do Programa Primeira Infância em Foco (PIF).

Brincando e ensinando

Os alunos do curso de Enfermagem começaram o estágio na instituição de educação infantil solicitando a carteira de vacinação das crianças, com o objetivo de conferência.  Num segundo encontro, os estudantes realizaram a checagem de peso e medida dos pequenos. “Esses procedimentos colocam os universitários em contato com as crianças e ainda são essenciais para a saúde”, falou Keti.

De acordo com Márcia Moraes, professora da disciplina de Práticas Clínicas do Processo de Cuidar da Criança e do Adolescente, os universitários ainda realizaram testes de acuidade visual, ensinaram os pequenos a lavarem corretamente as mãos e a escovarem os dentes e falaram sobre alimentação saudável. “Esse contato foi muito enriquecedor para os alunos e é isso que eles precisam, estão com o público que irão atender quando se formarem”, explicou.

“Todo o conhecimento passado para as crianças foi realizado de uma forma lúdica e leve. Os universitários utilizaram desenhos, filmes e brincadeiras, ensinando de uma forma divertida. Isso é essencial para as crianças para o estreitamento de laços e confiança”, comentou a orientadora da instituição.

Troca de saberes

Além das atividades com a criançada, os alunos e professores da Unip também programaram uma série de formações para os educadores e monitores da creche. E desta vez, a parceria também incluiu os cursos de Fisioterapia e Nutrição.

De acordo com a professora de Enfermagem da Unip, Valéria Masson, a área da saúde trabalha de forma integrada e interdisciplinar, por isso o envolvimento com outras faculdades. “Foi importante trazer a Nutrição e a Fisioterapia para que o nosso trabalho fosse completo.  Desta forma, pode-se abordar nas formações temas como alimentação saudável e até mesmo ginástica laboral”, contou.

Nas palestras de enfermagem, os assuntos tratados foram com relação aos primeiros socorros em situações específicas para a educação infantil, como engasgos, picadas de insetos, queimaduras, pequenas feridas, convulsão, febre e parada cardiorrespiratória. Ainda foram abordados temas ligados a higiene e cuidados. “Precisamos falar sempre desses assuntos porque eles fazem parte da nossa rotina e muitas vezes parecemos chatas na cobrança com a equipe. Mas atenção e cuidado nunca são demais”, pontuou a Keti. 

Já os alunos da Nutrição falaram sobre alimentação saudável: motivos de não se oferecer doces a crianças; aleitamento, idade de início da papa salgada, frutas para os bebês e os perigos da obesidade infantil e diabetes.

Professores e alunos do curso de Fisioterapia também estiveram na creche e falaram sobre posturas. “Foi muito bom porque eles usaram situações práticas do nosso dia a dia e explicaram como deve ser a postura, como por exemplo na hora de dar banho na criança, na hora de colocar no colo e até mesmo quando vamos trocar fralda”, contou a professora da creche Edvania Araujo.

A Unip ainda teve a oportunidade de levar os alunos de Enfermagem para um treinamento com participantes do curso de Cuidadores de Criança, também oferecido pela universidade. “Foi uma excelente oportunidade porque para essas futuras cuidadoras a experiência é muito rica. Desenvolvemos diversas atividades lúdicas e ainda pudemos mostrar os principais cuidados que se deve ter com as crianças na primeira infância. Só temos que agradecer a instituição que nos abriu as portas”, falou a estudante do último ano de Enfermagem, Carolina Sandini.

Para a orientadora pedagógica da Mãe Cristina, a parceria com a universidade só trouxe bons frutos. “Neste 2019 a parceria continua com novas formações para os professores e monitores. A ideia é que se estenda para os cursos de Pedagogia e Psicologia, o que será enriquecedor pois poderemos trabalhar novos temas e continuar o processo formativo”, finalizou Keti. 

Primeira Infância em Foco

O Programa Primeira Infância em Foco é uma iniciativa da Fundação FEAC que investe em esforços para promover o desenvolvimento da primeira infância com objetivo de assegurar que todas as crianças tenham desenvolvimento adequado à sua faixa etária.

Saiba mais: www.feac.org.br/primeirainfanciaemfoco

 

2018-12-20T17:01:59+00:0019 de dezembro de 2018|Categories: NOTÍCIAS|Tags: |
X