Notícias

Parque sensorial promove desenvolvimento motor e cognitivo dos pequenos

Parque sensorial promove desenvolvimento  motor e cognitivo dos pequenos

(Por Laura Gonçalves Sucena)

Com o objetivo de estimular e promover o desenvolvimento motor e cognitivo das crianças, a Creche Menino Jesus de Praga, parceira da Fundação FEAC, inaugurou um novo espaço para os pequenos. O parque sensorial, planejado a partir de um estudo pedagógico, vai além de ser um espaço de brincadeira e diversão e instiga os sentidos dos pequeninos.

Com diferentes pisos e texturas, como areia, grama, pedras e emborrachado, o parque possui escorregador, casinha, gangorra, balanço e brinquedos projetados com o intuito de promover o entretenimento saudável e descomplicado. A grande atração fica por conta de uma fonte com jatos d´água na qual os pequenos se divertem à beça.

A ideia é que a recreação aconteça de forma livre e espontânea. “Queremos que nossos pequeninos brinquem com alegria e aproveitem o espaço para correrem, pularem e exercitarem também suas habilidades afetivas e sociais, além da imaginação”, explicou a orientadora pedagógica da creche, Christiane Carvalho.

De acordo com a assessora técnica do programa Primeira Infância em Foco (PIF), do Departamento de Educação da Fundação FEAC, Denilze Ricciardelli, os parques estão presentes na maioria das creches com espaço lúdico ao ar livre, mas o novo espaço foi pensado de uma maneira diferenciada, com toda a equipe educacional. “Pensar e refletir sobre o tempo dedicado às brincadeiras, e planejar a transformação com intencionalidade focada nas diferentes formas do brincar é um dos objetivos do PIF”, ressaltou.

“A partir de várias reflexões houve a necessidade de qualificar as oportunidades do brincar. Desta forma, estruturamos uma nova concepção de espaço, que é composto por estações com variadas propostas que buscam estimular as crianças a explorarem diferentes materiais, favorecendo as habilidades motoras, lateralidade, interação, resolução de problemas, tomadas de decisões, ampliação da linguagem e expressão em situações que são relevantes e significativas para elas”, completou Denilze.

Colaboração de todos

De acordo com a gerente do Departamento de Arquitetura da Fundação FEAC, Viviane Nale, o parque sensorial foi possível devido à colaboração da diretoria da creche, que acreditou no projeto apresentado. “É um espaço que promove o lazer e o desenvolvimento das crianças, que acabam experimentam sensações diferentes e descobrindo e aprimorando os sentidos. O tato, a audição, o olfato e a visão representam quase um paradigma entre sonho e realidade e estimulam a criatividade dos pequenos. Essa foi a intenção”, explicou.

Mutirão

A construção do novo parquinho também contou com a colaboração de vários pais que se reuniram em mutirão, no último 13 de maio, para ajudar a tornar o local ainda mais bonito e agradável para os pequeninos.

Adriana e Ednilson Marcos Duarte, pais da Luiza, 3 anos, estiveram presentes no mutirão e foram conferir o resultado na inauguração. “É muito bom ver tudo isso pronto. Fomos voluntários porque é importante estar presente nas atividades da creche. Nossa filha passa o dia aqui e queremos um lugar adequado, sabemos como é importante estarmos juntos dela, presenciarmos o desenvolvimento e sermos atuantes”, falaram.

Para a diretora educacional da instituição, Rosane Ferreira, o trabalho dos pais voluntários foi de extrema importância. “As famílias participaram ativamente da construção do parque, trabalharam duro e com muita vontade. Tiraram entulho, plantaram grama, colocaram areia no parque, limparam, fixaram os brinquedos, enfim, foram excepcionais. Tornaram esse dia especial para a festa que estamos fazendo. É um dia de comemorações”, frisou.